domingo, março 25, 2007

Pela calçada

Os meus passos podem ficar realmente barulhentos no domingo à noite.

3 comentários:

Juliana disse...

não se você tapar os ouvidos.

tarciso disse...

se tem frases que remetem a imaginação do leitor a enredos exóticos sobre o protagonista - essa poderia ser uma!

Anónimo disse...

uhauhauhuha
reticências de um POETA morto!
faz-me rir

o que mais te aproxima -forçando bastante a criatividade- de um poeta é sua falsa intelectualidade. E sua arrogância, claro - porque, afinal, arrogância é o que tipinhos como vc usam pra mostrar a todos que "sabem" de alguma coisa

acorda kra
o que vc precisa é arranjar uma namorada