sexta-feira, agosto 10, 2007

Ausência

Estou já há um tempo tentando arrumar na minha cabeça muitas coisas que me aconteceram. Ora parece que terminaram, ora parece que estou bem no meio, vivendo a mudança. E sempre parece que isso de estar em um instante está perdendo o sentido.

Não sei se vou conseguir arrumar, na minha cabeça.

6 comentários:

tarciso disse...

Henrique, talvez seja uma bobagem o que estou dizendo - quem vai saber... mas fixar de forma intensa um ponto qualquer por um tempo superior a alguns segundos costuma produzir distorções no campo visual, confusões, ilusões e até miragens... A cabeça tem uma profusão de juízos e sentenças - embora se diga que a cada cabeça corresponda uma sentença. Capital observação é que tudo costuma se acomodar com um mero ajuste no foco.

juliana disse...

então, deixa bagunçado!


quem precisa de tanta ordem na vida?

Luis Pereira disse...

"Capital observação é que tudo costuma se acomodar com um mero ajuste no foco."

Jéssica disse...

Nas horas em que sinto minha cabeça ferver com tantos parafusos frouxos...rs... a minha terapia é a música. Pq não tenta?
Vi vc no Maucir e vim xeretar.
Gostei!!!
Bom domingo*.*

Tainã Alcântara disse...

"E sempre parece que isso de estar em um instante está perdendo o sentido."

Perfeito!!!

somentebia disse...

Claro que vai conseguir arrumar tua cabeça! Se não for agora, nesse instante, que já está perdendo seu sentido, pode ser nesse minuto seguinte que está chegando para ti...

Para tudo há um tempo certo! Tu sabes disso, por isso escreveste lá no início...

"Todos os fatos da vida estão relacionados de um jeito tão minuncioso que fica difícil não acreditar nas energias que regem o universo. Nada vem do acaso apesar de algumas coisas acontecerem por acaso..."

"Então é melhor eu não me alongar muito. Eu simplesmente vou tocando meu violão e dando meus passos..."

É isso que o ser humano tem que fazer dentro dessa caminhada na qual foi colocado: dar os próprios passos!

Feliz daquele que tem um violão como companheiro! Quanta melodia bonita pode ser feita ao simples toque de algumas cordas? E se vontade houver, quantas letras de belas músicas podem ser criadas? Acredito que, verdadeiras canções enaltecendo a vida e o amor!

Cheguei sem convite a esse teu refúgio tão agradável de se estar, e estou deixando pétalas de perfumadas flores que colhi ao longo do caminho antes de aqui chegar, junto de um beijo que deixo no teu coração.